30 de novembro de 2016

Neste dia... #335

30 de Novembro

  • Os Estados Unidos e a Grã-Bretanha assinaram o Tratado de Paris, pondo um fim a Guerra Revolucionária norte-americana, 1783,
  • O exército francês, sob o comando do General Junot, ocupou Lisboa e assumiu a presidência do conselho de Governo, 1807;
  • Pela primeira vez na França, as mulheres votaram em eleições legislativas, 1919;
  • Liberato Pinto substituiu Álvaro de Castro como presidente do Ministério (primeiro-ministro) de Portugal, 1920,
  • O álbum Thriller, de Michael Jackson, foi lançado, 1982;
  • Bill Clinton tornou-se o primeiro presidente dos Estados Unidos a visitar a Irlanda do Norte, 1995;
  • O Presidente da República Portuguesa, Jorge Sampaio, anunciou a decisão de dissolver a Assembleia da República e como consequência o governo em funções, 2004;
  • A Wikipédia lusófona completou 200 mil artigos criados, 2006.

Estão de Parabéns: (ou estariam)
  • Mark Twain, escritor estadunidense, 1835-1910;
  • Ridley Scott, realizador e produtor de filmes inglês, 1937;
  • Billy Idol, músico inglês, 1955;
  • Ben Stiller, actor norte-americano, 1965;
  • Yolanda Soares, cantora e compositora portuguesa, 1971;
  • Abel Xavier, ex-futebolista e treinador de futebol português, 1972;
  • Angélica, apresentadora de televisão e actriz brasileira, 1973;
  • Patacas, ex-futebolista português, 1977;
  • Gael García Bernal, actor, produtor e director mexicano, 1978,
  • Pedro Oliveira, futebolista português, 1981;
  • Lauren Cohan, actriz norte-americana, 1982;
  • Kaley Cuoco, actriz e modelo norte-americana, 1985.

Faleceram:
  • Oscar Wilde, escritor irlandês, 1854-1900;
  • Alfredo César de Andrade, pintor português, 1839-1915;
  • Fernando Pessoa, poeta português, 1888-1935;
  • António Jesus Correia, futebolista e jogador de hoquéi português, 1924-2003;
  • Paul Walker, actor norte-americano, 1973-2013.
(Informações daqui...)

Beijinho da Miúda*

7 comentários:

  1. É sempre engraçado vir aqui ler estas curiosidades! =)
    Beijinhos

    ResponderExcluir
  2. Foi durante a ocupação de Lisboa pelos franceses, que nasceu a expressão "vai tudo para o maneta". Isto porque o francês que chefiava a polícia era maneta e quando lá caia um tuga, levava porrada de criar bicho.
    Ainda hoje, quando alguma coisa corre mal, dizemos que foi pró maneta. eheheheh

    ResponderExcluir
  3. Gostei desta informação.

    Bjos

    Visite-nos.

    ResponderExcluir
  4. Não sabia que Fernando Pessoa tinha falecido nesta data.

    ResponderExcluir

Real Time Analytics